segunda-feira, 25 de agosto de 2008

um trecho brilhante.

"... O rosa das rosas era de sangue e o sangue escorria pelas mãos brancas dos enfermeiros pálidos. E os enfermeiros limpavam o sangue das mãos nos brancos aventais, que já não ficavam tão brancos. Centenas de enfermeiros caiavam os muros (antes cobertos de propaganda política), tudo pintavam de branco, de cal, muros, paredes. Fachadas, portas de madeira e portas de metal e até mesmo pessoas. Tudo ficava branco. (...) ...os anestesistas atiravam bombas aqui e ali, dentro de uma casa comercial e também das particulares, até mesmo dentro das creches, para que todos dormissem e para que ninguém visse que o sangue das rosas manchava de rosa - um rosa puro de flor -, manchava todas as coisas brancas, todas as pessoas pálidas e, com mais fúria, mais rosas os enfermeiros pálidos estrangulavam raivosos, e a raiva rosava seus rostos, e o sangue escorria de suas mãos, dos caules, das flores - e as flores amarelas, de vergonha, viravam rosas e eram também estranguladas e também era rosa o seu sangue - e o sangue e as rosas enchiam as ruas que eram brancas, corriam para a praça, como correm os rios para o mar, rios de rosas, rios de sangue."

A deliciosa e sangrenta aventura latina de JANE SPITFIRE - AUGUSTO BOAL... pág.217.
- sobre um sonho da nossa (anti)heroína no qual uma junta médica (e não militar!) realiza um golpe de estado. Genial.

5 comentários:

lalai disse...

eu precisava escrever esse trecho em algum lugar! - ou ele nunca sairia da minha cabeça. ;D
ai, ai... nada melhor que um blogue.

inerthie disse...

mais visual e nítido impossivel... adoro isso aqui =~

Lúcia Neco disse...

que cena, que construção.
augusto boal é um gênio hein?


e que ele sare suas dúvidas com masi delas.

SPS disse...

Segunda-feira, 14:48... FILONA, tá, não perdeu nada nessa aula... eu acho, dormi quase tudo mesmo hehehe. (garoto exemplar eu, ein?)
Sobre o trecho:
Genial é pouco.

Cyberpunk_Jr disse...

hey
há tempos eu devia uma vistinha aqui
queria agradecer o comentário no meu blogue
e dizer que eu fiquei bastante contente de ler aquilo
sem cobrança, e sem precisar fazer média com ninguém,


queria também te dar os parabéns pelo teu blogue